Educação e inclusão financeira no Brasil: o papel das cooperativas de crédito

por Márcio Lopes de Freitas* 

O cooperativismo é um instrumento de organização e transformação social que promove ajuda mútua, colaboração e solidariedade na busca de soluções coletivas. Nesse contexto, as cooperativas do Ramo Crédito não podem ser definidas apenas como instituições financeiras. Para muito além das operações tradicionais, elas promovem desenvolvimento econômico e asseguram o exercício da cidadania por meio da democratização do crédito, da educação e da inclusão financeira de seus associados, gerando impactos significativos onde atuam.   

Mais do que conseguir organizar um orçamento, a educação financeira transmite conhecimento, atitudes e habilidades para que as pessoas adotem boas práticas para administrar seus recursos de forma eficiente, como o gasto com cautela, o incentivo à poupança e o estímulo ao investimento. Ou seja, prepara a pessoa para se relacionar bem com o próprio dinheiro, pensando não apenas no agora, mas no longo prazo. Ela busca ainda desenvolver consciência crítica sobre endividamentos e promover reflexão sobre a real necessidade de consumo. 

Assim, as 775 cooperativas de crédito, formadas hoje por quase 12 milhões de associados, são responsáveis pela inclusão financeira direta dessas pessoas e, indiretamente, de suas famílias. Com atendimento personalizado e taxas de juros diferenciadas, elas trazem aos seus cooperados autonomia para administrarem seus recursos e empreenderem em novos projetos, por meio da educação e inclusão financeira.   

Prova da importância desse processo pode ser verificada no relatório divulgado em junho deste ano pelo Fórum Brasileiro de Educação Financeira (FBEF) sobre a 7ª Semana Nacional de Educação Financeira (SNEF). O documento aponta que as cooperativas de crédito realizaram 2.290 ações e 545 campanhas, equivalentes a 86% do total de iniciativas promovidas em todo o país. Além disso, foram responsáveis por 53% do público alcançado durante o evento inteiro.  

O fomento à inclusão financeira é tão importante que se converteu, inclusive, em uma prioridade universal inserida nos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), determinados pelas Nações Unidas para 2030. No Brasil, foi fixada também como um dos temas transversais da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para que efetivamente façam parte da vida de jovens e crianças e ajudem a garantir que haja cada vez mais estabilidade e desenvolvimento socioeconômico no país. 

No que diz respeito à democratização do crédito, o cooperativismo também apresenta resultados expressivos. Apesar dos desafios impostos pela Covid-19, o setor alcançou 51% de crescimento em sua carteira de crédito em 2020, enquanto os bancos tradicionais registraram um índice de apenas 15,6%. O resultado é mais um indicador da importância da atuação das cooperativas de crédito para o Brasil. 

Com mais de 7,2 mil postos de atendimento, as cooperativas de crédito estão presentes em todos os estados do país e, em 594 municípios, são a única instituição financeira, uma vez que não há bancos tradicionais disponíveis. Estes números fazem parte do Anuário do Cooperativismo Brasileiro. Estudos apontam ainda que o setor incrementa o Produto Interno Bruto (PIB) per capita dos municípios em 5,6%, cria 6,2% mais vagas de trabalho formal e aumenta o número de estabelecimentos comerciais em 15,7%. 

E é para que o ramo possa atuar de forma ainda mais eficiente, democrática e inclusiva que trabalhamos pela aprovação, no Congresso Nacional, do PLP 27/2020, que atualiza a legislação das cooperativas de crédito (LC 130/2009). A regulamentação foi um marco para o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo (SNCC) no Brasil, mas com as evoluções tecnológicas e de interação registradas desde então, a norma precisa de ajustes para atualizar pontos importantes e garantir maior segurança jurídica ao setor.  

 

*Márcio Lopes de Freitas é presidente do Sistema OCB. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

O que você achou desse conteúdo?



    Receba nosso conteúdo por e-mail

    Confira, em primeira mão, todas as novidades, notícias e informações sobre o universo do cooperativismo.
    ©CONFEBRAS | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS