Escolha uma Página

O ano de 2020 se despede como um dos anos mais significativos e dramáticos da história contemporânea. A pandemia silenciosa obrigou a humanidade a rever sua forma de viver e conviver, a estender os braços da solidariedade mesmo no isolamento e a vislumbrar as limitações de todos e de cada um. As desigualdades cresceram em todo o planeta e uma atitude ganhou força e vitalidade, mais do que nunca: a COOPERAÇÃO.

Nós, que atuamos na linha de frente do cooperativismo financeiro, reconhecemos as relevantes ações realizadas pelas cooperativas singulares neste ano, especialmente na facilitação do acesso ao crédito para os cooperados de forma rápida e eficiente, no fomento aos negócios dos pequenos e médios empreendedores, no desenvolvimento sustentável das comunidades e nas doações de recursos financeiros e equipamentos às entidades nas áreas de saúde e assistência social. Fechamos 2020 com mais de 12,5 milhões de associados, atendidos por 847 cooperativas singulares.

Aliás, foi nos balcões do Cooperativismo de Crédito que os empresários obtiveram, com agilidade e volumes adequados, os recursos emergenciais advindos do Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte), instituído em maio deste ano pelo Governo Federal. Foram mais de R$ 4,8 bilhões, aproximadamente 15% do total disponibilizado ao mercado.

Neste ano, a Confederação Brasileira das Cooperativas de Crédito – Confebras também reinventou sua pauta de atuação e inovou nos eventos e na comunicação. Criamos produtos digitais como a Plataforma ConectCoop, com webséries sobre temas cooperativos, palestras com participantes do Banco Central do Brasil e podcasts com especialistas e agentes do setor. Autores consagrados também disponibilizaram capítulos de suas obras dentro do programa online Leitura Cooperativista.

Já o Projeto CooperaEduca, tradicionalmente aplicado junto ao público infanto-juvenil, com jogos, vídeos e cartilhas educativas, ganhou formato online, levando a cidadania financeira aos nossos pequenos cidadãos. Os conteúdos disponibilizados na plataforma EaD da Confebras foram atualizados e disponibilizados remotamente de forma acessível aos cooperados e público em geral.

O desafio de criar alternativas de eventos atraentes para o nosso público foi vencido com o estabelecimento de parcerias com instituições renomadas que também acreditam no poder da Cooperação para transformar vidas e pessoas. Nesse contexto, promovemos, em junho passado, o Festival Coop+, que reuniu palestrantes dos bancos populares internacionais, do Instituto Capitalismo Consciente e economistas e especialistas em inovação. Exemplos de intercooperação na pandemia foram trazidos pelas cooperativas e jovens cooperados deixaram sua marca com ideias inéditas na competição Hackathon Coop+, um dos pontos altos do evento.

Em novembro, o Fórum Integrativo Confebras ganhou formato digital e emplacou sua terceira edição com a presença de 1.363 participantes virtuais. Estrategistas e pensadores debateram o Cooperativismo de Crédito sob um novo olhar, antecipando cenários e trazendo à discussão estratégias, processos inovadores, visão moderna sobre governança e a questão da sustentabilidade. As transformações no SFN, com o advento da vigência da Plataforma PIX, além de novidades como o Open Banking e a Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD, foram tratadas em um dos painéis principais com a participação de representantes do Banco Central do Brasil e dos Sistemas SICOOB e SICREDI.

Também em novembro, a Confebras cumpriu um compromisso antigo com a comunidade cooperativista lançando, no evento comemorativo aos 34 anos de fundação da entidade, o BureauCoop. Esse novo sistema interativo, que opera com inteligência tipo BI, apresenta dados segmentados relativos ao Sistema Nacional de Crédito Cooperativo – SNCC, tendo como fonte principal as informações divulgadas periodicamente pelo BCB. Até esta data já tivemos mais de 12 mil acessos à plataforma.

O ano de 2020 fica para a história com a Confebras traduzindo sua força na adesão direta e voluntária de 37 instituições filiadas, representando 460 entes cooperativos, que congregam mais de 6 milhões de associados pessoas físicas e jurídicas.

Para o ano que se aproxima, temos incertezas, volatilidade e ambiguidades no horizonte. Mas, mesmo diante desse cenário desafiador, a Confebras continuará trabalhando incessantemente na defesa e fortalecimento do Cooperativismo de Crédito, na nobre missão de capacitar lideranças, na comunicação precisa e legítima sobre os acontecimentos do setor e na edição de obras literárias sobre o movimento cooperativista no Brasil e no mundo.

E estaremos firmes focando a organização do 13º Congresso Brasileiro do Cooperativismo de Crédito, que se realizará em Recife, Pernambuco, de 18 a 20 de agosto de 2021, tendo como temática principal Cooperativismo de Crédito conectado em um único propósito:  a transformação econômica e social do País.

O formato do CONCRED, ajustado aos tempos atuais, oferecerá aos congressistas a oportunidade de palestras e eventos presenciais, com programação exclusiva, além de propiciar a possibilidade de participação remota de interessados, que poderão acessar um conjunto de palestras via streaming.  Estaremos diante de um grande momento para refletir sobre o papel das instituições financeiras cooperativas no incentivo à esperança das pessoas, à prosperidade de nossos associados e à recuperação econômica e social do nosso País.

Apesar de tudo, 2020 foi um Ano Bom: Priorizamos cuidar de todos e dizer sim à Vida!

Kedson Macedo

Presidente da Confebras e Diretor Executivo na Cooperforte