Inscrições para o intercâmbio Vale do Silício vão até quarta-feira (dia 28/08)

No final da década de 50, empresas do ramo científico e tecnológico passaram a migrar para uma região específica da Califórnia, ao sudoeste dos Estados Unidos. Queriam fomentar pesquisas, experimentos e inovação nos produtos tecnológicos que desenvolviam, em razão da abertura e dos avançados estudos que já vinham sendo realizados pelas universidades locais. Setenta anos depois, essa pequena região, formada por cerca de 40 municípios, continua atraindo a atenção de investidores e impulsionando cada vez mais as empresas que se estabelecem por lá. E foi assim que, pouco a pouco, ela se tornou conhecida no mundo como o berço industrial das maiores empresas do planeta que operam com computação e tecnologia da informação. Seu nome: Vale do Silício.

Embora muita gente nunca tenha ouvido falar em cidades como Cupertino, Los Gatos, Milpitas e Mountain View (todas com menos de 100 mil habitantes), todo mundo certamente conhece as gigantes do setor que estão sediadas por lá. Google, Apple, Facebook, Netflix e outras startups promissoras são alguns exemplos.

Esse desenvolvimento acelerado das empresas sediadas no Vale do Silício, e tudo que acontece lá, têm atraído a atenção e os olhares de empresários do mundo todo. Por isso, é comum encontrar caravanas e excursões corporativas que viajam à região exclusivamente para conhecê-la e para visitar algumas dessas empresas. E não seria diferente com o sistema cooperativo de crédito.

Afinal, quem é cooperado sabe: uma das áreas que mais recebe investimentos costuma ser sempre a tecnologia da informação, justamente pelo fato de lidar diretamente com dados bancários, dinheiro e a confiança dos associados. Por isso, que a Confederação Brasileira das Cooperativas de Crédito (Confebras) incluiu um roteiro específico para o Vale do Silício ao seu programa de intercâmbio técnico.

A ideia é promover a imersão dos cooperados ao ecossistema da tecnologia e da inovação que são típicos daquela região e que envolvem Big Data, segurança da informação, blockchain, computação em nuvem, open banking e outras ferramentas digitais que impactam o setor. A viagem está agendada para ocorrer entre os dias 20 a 29 de setembro. Mas fique atento: o prazo de inscrição encerra na quarta-feira, dia 28 de agosto.

O roteiro da viagem inclui cursos, palestras e poderá contar com visitas técnicas à empresas que são líderes mundiais, como Ernst & Young, PricewaterhouseCoopers, Xapo, Edge, IBM, Banco do Brasil, Oracle Corporation, KPMG International, Trizic, Upstart, SigFig Wealth Management LLC e Capital One Labs. Essa programação foi construída para ampliar os horizontes tecnológicos das cooperativas e fortalecer o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo – SNCC.

Para saber outras informações e se inscrever para o roteiro do Vale do Silício, envie e-mail para intercambio@192.168.10.13, aos cuidados de Brunna Patrícia Barbosa ou de Tatiele Almeida.

 

Data da publicação: 07/08/2019

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

O que você achou desse conteúdo?



    Receba nosso conteúdo por e-mail

    Confira, em primeira mão, todas as novidades, notícias e informações sobre o universo do cooperativismo.
    ©CONFEBRAS | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS