Sicredi Pioneira RS reúne-se com imprensa, representantes de entidades e prefeituras

Cenário econômico e o desenvolvimento regional foram os temas do encontro.

Cooperativas constroem um mundo melhor. Com base nesta causa, a Sicredi Pioneira RS reuniu imprensa, representantes de entidades e de prefeituras para apresentar o que a cooperativa tem feito pelo desenvolvimento da sua área de atuação. O encontro aconteceu na última terça-feira, 14 de fevereiro, na sede da Superintendência da Pioneira em Nova Petrópolis.

A Sicredi Pioneira é uma das 118 cooperativas filiadas ao Sistema Sicredi e atua em uma região formada por 21 municípios, onde 120 mil pessoas são associadas à cooperativa, realizando sua movimentação financeira em alguma das 39 agências instaladas.

No encontro foram apresentados os principais resultados alcançados em 2016, como o atingimento do volume de R$ 2 bilhões em recursos administrados e um resultado líquido (sobras) de R$ 49,6 milhões em 2016, sendo que deste montante, 60% reverterá para os associados em forma de juros ao capital ou distribuição de resultado. “Este é um dos principais diferenciais de uma instituição financeira cooperativa, já que os associados participam do rateio do resultado, o que não acontece nas demais instituições financeiras”, aponta Márcio Port, Presidente da Pioneira.

O Presidente também trouxe a preocupação com a educação financeira da região. Trazendo cálculos e enfatizando a importância de fazer o planejamento financeiro, Port apresentou o projeto que vem sendo desenvolvido nas escolas da região, com pais e alunos.  Para exemplificar, as professoras Simone Rueda Alves e Lauren Machado Gayeski apresentaram o trabalho realizado na Escola de Ensino Fundamental Edmundo Kern de Portão, com alunos do 5º ano. Gabriel Dias da Silva, 11 anos, aluno que participou do projeto piloto, destacou a importância de as crianças saberem como funciona o orçamento familiar. “Hoje podemos não usar isso, mas um dia teremos a nossa própria família e aí será importante”, disse ele.

Apresentando indicadores que demonstram uma leve reação da economia, Solon Stapassola Stahl, Diretor Executivo da Sicredi Pioneira RS, enfatizou que 2017 ainda oferece riscos a curto prazo, devido, principalmente, a instabilidade política. “A Pioneira sentiu menos a crise pela diversificação econômica da região e para 2017, a expectativa é que a carteira de crédito da cooperativa cresça 11%, mas essa não é a realidade dos bancos. A cooperativa tem o diferencial da atuação regional e de conhecer melhor os associados”, disse ele ao destacar que o aumento da carteira de crédito é um dos fatores da retomada do crescimento econômico.

O encontro com imprensa, entidades públicas e privadas vêm acontecendo anualmente, no primeiro trimestre.
Fotos: Vanessa Birk Staudt

Fonte: Assessoria de Comunicação Sicredi Pioneira RS

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

O que você achou desse conteúdo?



    Receba nosso conteúdo por e-mail

    Confira, em primeira mão, todas as novidades, notícias e informações sobre o universo do cooperativismo.
    ©CONFEBRAS | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS